WOW

STORIES

Logo Elephant Skin - Head - Pink.png

SCROLL DOWN

 
 

/CULTURE /PEOPLE /REAL ESTATE  /CGI  /FILMS /BRANDING

PLA84_12_Piscina_Externa_High.jpg
flag-united-states_1f1fa-1f1f8.png

Caue Rodrigues,
VFX Coordinator

Giovana Driessen,
CEO 

gi_transparente.png

- elephant skin - 

Como representamos o paisagismo em 3D com realismo e qualidade 

A pandemia trouxe um avanço para o crescimento da digitalização de projetos de Arquitetura e novas técnicas foram sendo desenvolvidas e utilizadas, para a representação dos espaços em todas as suas potencialidades, como exemplo a representação do paisagismo em 3D.

Um dos grandes desafios de representar o paisagismo no 3D é lidar com inúmeros detalhes presentes em cada espécie de plantas. Alguns exemplos são a curvatura dos troncos e galhos, texturas de folhas e flores, dimensionamento e proporção de cada componente, variação de tonalidades de cores, entre outros.

São muitos detalhes! E todos esses detalhes somados, trazem realismo ou o contrário, a superficialidade aos filmes, falta de autenticidade e conexão com o público e são esses os receios da maioria dos clientes que chegam até nós.

O nível de detalhamento do paisagismo, antigamente, era visto como segundo plano no mercado imobiliário, enquanto hoje as empresas contratam a Elephant Skin, principalmente pelo diferencial na qualidade dos filmes e imagens, com destaque ao paisagismo e representação em 3D.

Para alcançar o nível de detalhamento, fluidez e realismo foi preciso reunir diferentes olhares em nossa equipe, como arquitetos, paisagistas e artistas para construir uma visão e linguagem única, que melhor atendia às expectativas do cliente.

Nosso processo de evolução técnica na representação do paisagismo em 3D

A CEO da Elephant Skin, Giovana Driessen é arquiteta e também paisagista, por conta da sua experiência anterior em escritórios de paisagismo, tem o olhar voltado à expectativa do cliente, além do conhecimento técnico sobre as espécies de plantas e seu desenvolvimento.
A partir da observação nas entregas que os artistas realizavam, alguns questionamentos ela fazia, dentre eles: como podemos representar da melhor forma o local no qual o projeto está inserido?

Cada região tem suas peculiaridades referente a temperatura, umidade, estações do ano e tudo isso influencia diretamente na natureza e na representação realista que desejamos alcançar.

É inviável colocar uma palmeira em uma cena onde neva ou então uma araucária na praia. Saber representar corretamente o ambiente natural ajuda as pessoas a se identificarem e se conectarem com o local do projeto.

Foi preciso ouvir dos artistas os desafios nessa representação e fatores técnicos que prejudicavam a qualidade e realismo do paisagismo em 3D. A aproximação da Giovana com a equipe foi muito importante para a compreensão dos desafios e para que juntos pudéssemos construir soluções unindo esses dois mundos que seria o paisagismo e a arte em 3D.

Foi preciso construir uma visão única para que as expectativas em qualidade fossem atendidas

A evolução coletiva aconteceu quando o time começou a trabalhar em uma mesma linguagem. A partir disso, entraram numa mesma página para compreender os termos técnicos do paisagismo, quais eram as plantas e qual o objetivo final da representação.

O VFX Coordinator, Caue Rodrigues, começou a se interessar ainda mais pelo universo das plantas e a se dedicar no conhecimento técnico sobre como interpretar  um projeto paisagístico.  Decidiu  se aprofundar ainda mais e fazer uma pós-graduação no assunto.

Entendendo ‘os dois mundos’ (teórico e técnico), conseguiu desenvolver metodologias práticas para o melhor aproveitamento, desenvolvimento e otimização dos arquivos e cenas.

Criamos o nosso próprio banco de imagens!

O desafio era trazer naturalidade e qualidade para as plantas e vegetações em 3D nos filmes e imagens, não só encontramos uma solução, como hoje esse processo é um dos diferenciais no que entregamos.

“Há pouco tempo, tínhamos pouquíssimos blocos, muitas coisas genéricas, pouquíssimas variações e você não conseguia achar nada pelo nome da espécie. E hoje temos o nosso próprio banco de imagens, o que facilita muito. Se eu quero um Lírio, vou lá e digito e estarão listadas variações da mesma espécie”, conta Caue.


Começamos a modelar as nossas próprias plantas e a usar cada vez menos os blocos de bancos que disponibilizam as mesmas espécies, nas mesmas posições e tamanhos, padrões que prejudicam a autenticidade dos projetos.   

“Trouxemos um olhar mais profissional sobre essa área para dentro do ES para entender ao máximo como o paisagismo se comporta. Uma árvore pode ter inúmeras variações, um tronco, vários troncos, pode ter a copa mais fechada ou mais aberta, então a gente começou a criar a nossa própria biblioteca e identidade com a cara da ES”, explica a Giovana.


Ferramentas utilizadas na reprodução do paisagismo em 3D

A ferramenta principal é o 3D Studio Max. Dentro dele utilizamos alguns plug-ins, ferramentas extras, que têm um foco em atividades específicas. Para modelagem de vegetação, por exemplo, utilizamos o Grow FX, que é próprio para isso.


Modelamos a espécie inicialmente e partimos para o plug-in Forest, que a partir de uma área e uma superfície pré-definida, ele irá povoar essa planta, com uma quebra de repetição rotacionada, ficando algo mais orgânico. Tem projetos que têm até 65 espécies diferentes e cerca de 40 a 50 áreas dentro do projeto.

A soma do cuidado com cada detalhe na representação do paisagismo em 3D é hoje um dos diferenciais da Elephant Skin no mercado. Esse avanço técnico só foi possível graças ao empenho e dedicação do nosso time de artistas e de toda a equipe, dispostos a avançar no conhecimento, ter uma visão crítica, cocriar e a superar juntos os desafios.

O resultado é não menos que WOW! Tem muito trabalho e carinho por trás dessa impressão que conquistamos.

 

Gerente de Comunicação - Roberta Lemos
Jornalistas - Daiana Barasa and Juliana Rodrigues | Naiá

Entrevistados – Giovana Driessen - CEO / Caue Rodrigues - VFX Coordinator

Todos os direitos reservados para a Elephant Skin Group Corp. 

10/11/2022 - 3:53 PM EST

caue.png
Logo Elephant Skin - Head - Pink.png

REMEMBER, SHARING IS CARING!

Elephant 3.png

Yes, we know!

You’re wondering

why Elephant Skin.