top of page

WOW

STORIES

Logo Elephant Skin - Head - Pink.png

SCROLL DOWN

Empoderamento feminino: na Elephant Skin as mulheres têm voz!

Como empoderar mulheres em suas carreiras? Na ES nós dialogamos sobre isso.

Na Elephant Skin, 40% do nosso time é formado por mulheres e temos crescido cada vez mais na contratação do público feminino, mas não porque esse é um critério nosso. O critério de seleção é o mesmo para homem e mulher, o currículo ser bom e a experiência profissional ser construtiva para a vaga. Ter uma contratação significativa de mulheres é muito importante, pois reflete a nossa luta por mais espaço, qualificação e conquista. Hoje sou CEO na ES, mas comecei lá atrás, há 5 anos, gerenciando projetos, quando só tinham duas pessoas trabalhando na empresa, sendo o Henrique e o Kleiton. Sempre fui acolhida enquanto mulher, já existia espaço para troca, diálogo e constantes melhorias. Ao longo desses 5 anos buscamos construir uma atmosfera de segurança e oportunidade de crescimento para as mulheres e todos os profissionais que trabalham com a gente. O questionamento que constantemente fazemos é: quais são as iniciativas e condutas que tornam um ambiente de trabalho propício também para as mulheres e que empodere cada vez mais essa atuação?

Voz e autonomia: por aqui, nós dialogamos! A diversidade de ‘vozes’ e posicionamentos está entre nossas metas estratégicas para o novo ciclo que a ES está adentrando, após os 5 anos. O objetivo é trazer autonomia e voz para as pessoas, não só no dia a dia, entregando projetos, mas sugerindo maneiras de como podemos trabalhar, como nos relacionamos e criamos um espaço mais interessante para a atuação feminina, por exemplo. Temos um evento mensal presencial e procuramos trazer uma convidada externa, justamente para abordar tópicos sobre a presença feminina no mercado de trabalho de uma forma geral, não só no setor imobiliário e também voltado ao desenvolvimento de soft skills, como resiliência, liderança, por exemplo. Quando falamos em ganhar força feminina não é sobre ‘criticar’ o comportamento masculino ou falar sobre a dominância masculina no mercado, mas no sentido de empoderar as mulheres.

Assumir a posição de poder Na ES procuramos aproveitar os desafios do dia a dia para estimular atitudes empoderadas entre as mulheres que trabalham com a gente. O primeiro passo é ouvir, acolher o que elas compartilham. Já aconteceram, por exemplo, situações dentro da ES, em que alguns clientes com perfil patriarcal e hierárquico, não tratavam da forma como a gente gostaria algumas das nossas Client Managers.

Conversei com elas e, ao invés de a ES tomar uma decisão, dialogamos da seguinte forma:

Qual a posição que você gostaria que essa empresa tivesse para te dar todo o suporte?

E foi muito legal notar que nem sempre uma diretoria intervindo naquele cenário é a melhor forma de empoderar aquela profissional, porque é como se a voz dela fosse silenciada.

Chegamos a um consenso e ela conseguiu se posicionar, conseguiu ser muito clara na próxima reunião. Na ES, o respeito por parte de todos é o mínimo que precisa existir, independentemente de nacionalidade, de etnia ou gênero.

O profissional tem liberdade e autonomia de interromper de forma respeitosa uma reunião e retornar quando se sentir confortável.

Empoderamento é muito atrelado a ter voz, a construir na empresa espaços de fala, de diálogo e liberdade para tomar atitudes e ter iniciativas que julga no momento, ser o melhor para sanar uma situação.

Em nossa cultura a liderança não ocupa o espaço de “o irmão mais velho” na defesa de quem foi ofendido, mas dialogamos para que a própria pessoa possa se posicionar, se escutar e ter uma atitude de poder. Ao se sentir acolhida, ser capaz de se posicionar e tomar cargo da sua própria segurança.

Outro dado muito interessante é que 90% da nossa liderança em coordenação de projetos é feminina e essa coordenação é quem lida diretamente com os clientes.

A foto que abre esse texto é de um evento que tivemos recentemente em São Paulo com alguns clientes. Reparou? Eram todas mulheres!

Fico imensamente feliz de fazer parte dessa construção, de trabalhar com mulheres incríveis e de acreditar, acima de tudo, que sempre podemos ir mais longe.

Que a ES continue ocupando esse lugar, onde cada mulher tenha liberdade para assumir o seu poder e avançar em suas carreiras.


Escrito por:

Giovana Driessen CEO

 

Gerente de Comunicação - Roberta Lemos | Estagiário de Comunicação – João Victor Campos

Jornalistas - Daiana Barasa and Juliana Rodrigues | Naiá

Entrevistada - Giovana Driessen - CEO


*All Rights Reserved to Elephant Skin Group Corp.


Sobre Nós

Criada em Miami em 2017, a Elephant Skin oferece uma experiência de marca integrada para incorporadoras com o mais alto padrão de qualidade. Os nossos serviços incluem storytelling, renders 3D, desenvolvimento e elaboração de conceito, CGI, filmes, plantas baixas e tours interativos. Somos uma empresa para criadores e pensada para pessoas que nunca se acomodam.

1 visualização

Comentarios


Elephant 3.png

Yes, we know!

You’re wondering

why Elephant Skin.

bottom of page