WOW

STORIES

 
Logo Elephant Skin - Head - Pink.png

SCROLL DOWN

 
 

/CULTURE /PEOPLE /REAL ESTATE  /CGI  /FILMS /BRANDING

flag-united-states_1f1fa-1f1f8.png

Filipe Cabral,
Head of Animation

Cauê Rodrigues,
VFX Coordinatior 

Alix Silgueiro,
Head of Creative

- elephant skin - 

Histórias que impactam: por que apostar no filme para lançar projetos imobiliários? 

Se uma imagem vale mais do que mil palavras, quanto vale um filme?

Se você acha que fazer filme para lançar projetos imobiliários é algo recente, o artigo “Property Marketing Enters Video Age” já estampava o jornal impresso The Times em 1984.

 

O recurso do vídeo no século XX era conhecido como uma espécie de “folheto de vídeo”, embalado em formato cassete para que o promotor ou corretor imobiliário pudesse mostrá-lo em uma tela de TV no escritório para o possível inquilino ou comprador. 

Aquele seria apenas o início da evolução que estava por vir e da competitividade por meio de apresentações cada vez mais atraentes, capazes de despertar o desejo por meio de sensações.

Na Elephant Skin, a cada filme para lançar projetos imobiliários, existe o desafio de como dar um passo a mais na criação de um produto que realmente mexa com o olhar e imaginação.

Alix Silgueiro, Head of Creative na ES, menciona os recursos presentes em um vídeo como o storytelling, 3D, soundtrack, VFX, entre outros, para que se tenha um filme fantástico.

“Aqueles vídeos tradicionais de produtos que apresentavam principalmente os elementos informativos deram lugar a uma proposta inovadora e sem limites, onde se pode sair do aspecto meramente comercial para um lugar de conquista, capaz de despertar sentimentos nos clientes.”

O que leva uma pessoa a comprar um imóvel?

Pesquisa realizada pela corretora My Home Move, descobriu que 56% dos compradores tomam a sua decisão final com base na paixão e sentimentos despertados pelo imóvel.

Os participantes do levantamento precisavam escolher três razões pelas quais escolhem uma propriedade: 58% levaram em consideração a localização; 37% o preço e, os demais, o jardim.

Outro fator importante era o de que na busca pelo imóvel com localização perfeita, esses potenciais clientes estavam dispostos a pagar mais.

A grande questão aqui é: como despertar a paixão nos clientes por meio de um filme? 

Em 2015, a revista Entrepreneur, destacava quais eram as estatísticas por trás de um vídeo valioso e os dados já surpreendiam: 

●     O vídeo gera 3 vezes mais visitantes mensais para um site do que os demais conteúdos;

●     Visitantes passam 88% mais tempo em um site que inclui vídeo;

●     O recurso aumenta o tráfego orgânico nos mecanismos de busca;

●     Consumidores estão 46% mais propensos a buscar informações sobre um produto ou serviço por meio de vídeo;

●     Consumidores são 85% mais propensos à compra após assistir um vídeo.

A Unruly, empresa de tecnologia de marketing, especialista em vídeos, listou 18 emoções eficazesque podem gerar proximidade com um conteúdo: felicidade, alegria, espanto, inspiração, hilaridade, desprezo, desgosto, tristeza, cordialidade, orgulho, nostalgia, surpresa, conhecimento, choque, confusão, excitação, medo e raiva. 

A maneira de produzir um filme para lançar projetos imobiliários tem evoluído e, na ES, há um ingrediente importante para cenas cada vez mais incríveis: os artistas têm liberdade para criar, como complementa o VFX Coordinator, Cauê Rodrigues:

“Muitas das novidades foram implementadas na experimentação e nessa liberdade. As ideias foram se unindo, melhorando desde o processo de criação ao produto final”.

Já o Head of Animation, Filipe Cabral, acredita no filme como recurso para trazer a pessoa para dentro da história que está sendo contada:

“Esse é um recurso que envolve as emoções das pessoas, mas não de forma lúdica, trata-se de uma experiência no ‘real’. O intuito é vincular o filme às pessoas.”

Filmes vendem estilo de vida, despertam emoções e conectam pessoas

O vídeo precisa despertar sensações, fazer com que a pessoa pare por alguns instantes e entre na história que está sendo contada. Filipe acredita que o intuito das cenas para lançar projetos imobiliários está em vender algo além do empreendimento:

“O filme está vendendo lifestyle e mesmo que a pessoa compre com a intenção de investir, considera que aquele é um lugar incrível no qual ela mesma moraria."

O time de produção é desafiado a explorar ao máximo a utilização de elementos sensoriais como os sons de água, de atritos e decorrentes de movimentos. 

“O 3D é um recurso que caminha junto ao filme para infinitas possibilidades. Exploramos elementos sensoriais e são esses pequenos detalhes que tornam a experiência do cliente o mais real possível”, diz Alix.

Cauê acredita que o 3D de um modo geral é uma construção “em camadas” de detalhes:

“O efeito especial é a camada que dá o toque realista, como o barulho do carro passando na rua, gerando atrito sobre as folhas ou da fumaça saindo da xícara de café se enchendo. São os detalhes que influenciam na melhor experiência”.

Uma maneira assertiva de vender: despertar o desejo

Existem muitas agências com um trabalho de qualidade fazendo filme para lançar projetos imobiliários, mas a agência americana, Elephant Skin, fundada por brasileiros, tem algo que, para Filipe, a destaca no mercado:

“A ES faz filmes originais com chroma key em alta qualidade, tem um grande volume de trabalho e sempre preza pela entrega de seus projetos dentro do prazo”.

Alix diz que o cliente está em busca por alguma coisa que o faça se destacar das demais pessoas: “O filme ou projeto precisa despertar o desejo da pessoa de morar ali”.

E como isso acontece? Por meio de histórias que impactam. 

 

Gerente de Comunicação - Roberta Lemos
Jornalistas - Daiana Barasa and Juliana Rodrigues | Naiá

Entrevistado– Filipe Cabral, Head of Animation, Cauê Rodrigues, VFX Coordinatior e Alix Silgueiro, Head of Creative.

Todos os direitos reservados para a Elephant Skin Group Corp. 

27/10/2022 - 4:38 PM EST

cabral_transparente.png
caue.png
alix_transparente.png
Logo Elephant Skin - Head - Pink.png

REMEMBER, SHARING IS CARING!

Elephant 3.png

Yes, we know!

You’re wondering

why Elephant Skin.